Anuncie connosco
Pub
Notícias | Atualidade

Comissão Unitária de Reformados, Pensionistas e Idosos

Câmara cede terreno à CURPI

7 de janeiro de 2020
Partilhar

A Câmara Municipal de Loures celebrou, um contrato de constituição do direito de superfície com a Comissão Unitária de Reformados, Pensionistas e Idosos (CURPI) de São João da Talha, visando a construção de um equipamento de apoio social.

A assinatura, através de escritura pública, decorreu na sede da CURPI de São João da Talha e visa a constituição do direito de superfície, pelo período de 70 anos, de uma parcela de terreno com 3035 m² de área, situada no Bairro da Castelhana, em São João da Talha.

O direito de superfície constituído destina-se à construção de uma estrutura residencial para idosos, com capacidade para 60 a 90 pessoas, serviço de apoio domiciliário e centro de dia, dando assim resposta à população, no âmbito social da instituição nestas áreas específicas.

“Não é apenas o conjunto de terrenos que estamos a disponibilizar às associações do concelho, para que possam candidatar-se por forma a construírem estas infraestruturas, tão necessárias para a população sénior, mas também o apoio que damos regularmente às atividades destas instituições e à realização de um conjunto de iniciativas que têm como objetivo estimular a vida ativa da população mais idosa”, salientou Bernardino Soares sobre a importância que o Município tem dado à área de apoio aos seniores, referindo-se de seguida ao investimento municipal que está a ser feito na saúde: “Em algumas infraestruturas em que estamos a investir, e neste momento já temos o concurso a terminar, estamos prestes a dar início à obra do Centro de Saúde de Santa Iria de Azóia, assim como está também em elaboração os projetos para mais dois centros. Sabemos que os primeiros beneficiários, com melhores instalações das unidades de saúde, são os idosos, reformados e pensionistas”.

Além do investimento na saúde, o autarca fez ainda referência ao aumento do investimento e à melhoria nos transportes públicos, “que são também um contributo para uma vida melhor. Estamos a trabalhar para que a população sénior do nosso concelho tenha boas condições de vida, viva muitos anos e com qualidade, participando, de forma ativa, na vida da associação, da freguesia, do Município e da sociedade”.

“A construção de uma estrutura para idosos, através da política de aproximação às estruturas residenciais das populações, é o que melhor serve a nossa comunidade.

Mas a concretização da construção deste equipamento não depende da CURPI ou do Município, sendo necessário que a Segurança Social assine um protocolo com a instituição e a Autarquia. Vamos pressionar, de todas as formas, para que abram candidaturas e haja financiamento para a construção destas estruturas, porque sabemos que elas são essenciais para a população do nosso concelho”, concluiu o presidente da Câmara de Loures.

O documento foi assinado pelo presidente da Câmara Municipal de Loures e pelos representantes da Comissão Unitária de Reformados, Pensionistas e Idosos de São João da Talha, José Manuel Pedroso e Carlos Manuel Oliveira, respetivamente presidente da direção e tesoureiro da instituição.

A cerimónia de assinatura foi ainda abrilhantada pela atuação do grupo coral da CURPI, Outono da Vida, e contou com a presença dos vereadores da Câmara Municipal de Loures, Gonçalo Caroço e Ivone Gonçalves, bem como do presidente da União das Freguesias de Santa Iria de Azóia, São João da Talha e Bobadela, Nuno Leitão.

Última edição

Gala Notícias de Loures

Gala | Notícias de Loures

Opinião

Eleições

Newsletter